Lisboa, ponto de partida das Grandes Descobertas

Basta uma temporada em Lisboa para perceber que esse destino soube preservar seu charme e sua autenticidade. Ela suscita a surpresa, bem como a nostalgia. Mesmo assim, a capital do Portugal não parou de se modernizar. De fato, Lisboa é uma mistura de estilos. No plano arquitetural, a cidade é uma complexa fusão de influências provenientes do norte da África e da Europa. Durante quatro séculos, Lisboa esteve sob domínio muçulmano. Durante este período, os mouros construíram muitos prédios e mesquitas. Ainda é possível constatar a influência da arquitetura mauresca em muitos edifícios da cidade. As Grandes Descobertas do século XVI constituíram a idade de ouro de Lisboa, marcando definitivamente a capital portuguesa.
Com suas ruazinhas estreitas em declive, suas fachadas coloridas e sua luz intensa, a cidade do famoso explorador Vasco de Gama seduz cada visitante. Calma e relaxante, Lisboa é o destino ideal para viajar e descontrair na varanda de um café ou tomando uma ginja. Com a Air France, você pode reservar um dos voos diários Rio de Janeiro - Lisboa mais baratos.

Passear em Lisboa

Para visitar Lisboa a fundo, você precisa contar uma semana. Assim você fará mais que o turismo tradicional e desfrutará plenamente a capital e sua atmosfera.
Se você não tiver tanto tempo em Lisboa, não perca alguns edifícios incontornáveis da cidade, para se impregnar de sua história e sua cultura. Lisboa, com seu clima bem agradável e ensolarado, é especialmente propício para caminhadas ou passeios de bicicleta.

O bairro de Alfama é o mais antigo e mais típico dos bairros de Lisboa. Aí é possível sentir a influência do período muçulmano e visitar o castelo São Jorge, na colina do Alfama. Alguns vestígios romanos também perduram. Aproveite para dar uma volta no museu das Artes Decorativas ou do miradouro de Santa Luzia, terminando com a catedral Santa Maria Maior.

O bairro de Belém É daí que saíram as caravelas de Vasco de Gama rumo à Índia, em 1497. Lá está o palácio de Belém, antiga residência real. Se você só puder visitar um único monumento, que seja a maravilhosa torre de Belém, que marca a entrada da cidade de Lisboa. É um dos monumentos mais conhecidos em Portugal. É também no bairro de Belém que fica o impressionante Monumento aos Descobrimentos e o mosteiro dos Jerônimos.

A Baixa de Lisboa No centro de Lisboa, a Baixa é famosa por suas praças. Completamente destruída no terremoto de 1715, hoje ela possui esplêndidos monumentos, tais como a estação central de Rossio, na Praça Dom Pedro IV. A Praça do Comércio é magnífica também, com sua vista sobre o Tejo e a Ponte de 25 de Abril.

O Parque das Nações Para descobrir a face moderna de Lisboa, visite este novo bairro. O teleférico oferece uma vista magnífica sobre o Tejo e leva até o pé da impressionante ponte Vasco de Gama, que atravessa o estuário. Lisboa possui também um dos maiores aquários da Europa, o Oceanário.

Para descobrir a essência de Lisboa, não hesite em usar os bondes (os "elétricos") para cruzar a cidade. Seguindo suas rotas, você pode descobrir muitos pontos emblemáticos da capital portuguesa.

Desfrute a vida lisboeta

Para sair, o Bairro Alto é ideal. Ele é famoso pelas suas ruas animadas, tais como a Rua do Norte, ou a rua da Rosa. As ruas deste bairro popular e descolado são repletas de cafés, restaurantes, bares e discotecas.
Se você quiser viver uma noite tipicamente portuguesa, dirija-se ao Bairro Alto ou ao bairro de Alfama para escutar o famoso fado, canto português melancólico, acompanhado de violão clássico e guitarra portuguesa. O fado varia conforme a região.
Não deixe de passear pelas ruazinhas à noite, para descobrir as diversas programações noturnas da cidade.

Mais informações sobre Lisboa