Descobrindo os Países Baixos

As pessoas confundem com frequência os Países Baixos com a Holanda: essa última ocupa, na verdade, apenas uma parte dos Países Baixos, que se compõem em 12 províncias. O país é tradicionalmente conhecido por seus queijos e sua cerveja, suas bicicletas e suas tulipas.
Amsterdã, a capital, é a principal cidade de um país que tem também outras cidades muito importantes, como Roterdã, 1o. porto europeu e 4o. porto mundial, e Hague, onde são sediadas a Corte Internacional de Justiça e a Corte Penal Internacional. O clima é oceânico temperado: o inverno é bastante severo enquanto que os verões são amenos. Nós lhe aconselhamos reservar sua passagem Air France na primavera (na Europa): de março a maio. Nesse período, no interior holandês, os campos se cobrem com flores de cores vivas. Todavia, os Países Baixos sob a neve também têm o seu charme e o número de turistas diminui no outono e no inverno.
A grande maioria dos holandeses fala inglês. Eles também se saem bem em Alemão e alguns compreendem o francês. Portanto, é fácil de iniciar uma conversa. A sociedade holandesa é conhecida por sua abertura de espírito e sua tolerância, e seus habitantes são receptivos e corteses.

Amsterdã, a cidade romântica dos Países Baixos

Voos regulares da Air France partem de Paris para Amsterdã, cidade charmosa, com suas ruas estreitas, casas com fachadas de tijolos, seus labirintos de canais e seus diversos espaços verdes. Nós sugerimos que você visite a cidade de bicicleta à exemplo dos Amsterdanenses, que são muitos a se deslocarem em duas rodas, ainda mais quando o tempo está bom.
O bairro vermelho De Wallen, com suas famosas vitrines, éadmirável. Apesar de sua reputação nefasta, reina nas ruas um ambiente comportado em função da presença de turistas de todas as idades que divertem e tiram fotos. Você também poderá admirar nesse velho bairro, as fachadas do século XIV, assim como a Antiga Igreja: antigamente, um local de culto para os marinheiros, ela é decorada com esculturas de barcos e hoje serve como espaço de exposições.
O reino dos Países Baixos é a terra de Rembrandt, Rubens, Van Gogh e Vermeer… Não deixe de visitar os inúmeros museus da capital (que possui mais de 60: é a maior densidade do mundo!). Sem esquecer a Casa de Anne Frank, da qual a visita é muito emocionante.

O litoral e as pequenas cidades dos Países Baixos

Se Amsterdã é muito visitada, o restante dos Países Baixos, menos turístico, também merece ser visitado. Na primavera, a cidade florida de Lisse se cobre de tulipas, jacintos, narcisos e junquilhos. Seu parque floral, Keukenhof, fica aberto de março a maio e oferece aos visitantes, o espetáculo deslumbrante com seus inúmeros parterres multicoloridos.
Vale muito a pena conhecer o litoral holandês, com suas pequenas ilhas, seus pôlderes e diques, seus vilarejos de pescadores. Não distante da costa, a cidade de Kinderdijk é famosa por seus moinhos e suas tradicionais casas de madeira.

Para saber mais e preparar sua viagem aos Países Baixos