Ópera de Marselha

teatro lírico
Ópera de Marselha

Local privilegiado de artes líricas e sinfônicas

As bases arquitetônicas da Ópera que nós podemos ver hoje foram construídas sobre as ruínas do Grande Teatro de 1787, que à época se tornou a maior ópera da França, depois da ópera de Bordeaux.

É na fachada principal que percebemos o contraste entre a colunata e o peristilo de época do século XVIII e o estilo da década de 1920. A fachada em que fica a inscrição "A Arte recebe a Beleza de Afrodite, o ritmo de Apolo, o Equilíbrio de Palas e deve a Dionísio o Movimento e a Vida", produz um efeito imponente. Antes de subir os degraus para entrar no edifício, você passará pelas grades, decoradas com medalhões de bronze com motivos alegóricos sobre a dança e a música. Tantos símbolos despertam a vontade de passar pela porta, com seus painéis pintados e frisos esculpidos, que evocam a dança e o teatro grego. A escada principal irá lhe levar ao hall, decorado com espelhos simétricos que refletem as luzes do peristilo a partir das janelas envidraçadas.

A sala de 1 800 lugares rememora o espírito das salas italianas, com a plateia dividida em três partes bem distintas, seus balcões e camarotes. O palco recebe os maiores nomes da Arte Lírica e orquestras sinfônicas, através de espetáculos de altíssima qualidade, que destacam as obras de Verdi, Puccini, Massenet, Beethoven, Wagner, Saint-Saëns e diversos outros compositores maravilhosos.

L'Opéra de Marseille
2, rue Molière
13001 Marselha

Fone: +33 (0)4 91 55 11 10 / +33 (0)4 91 55 20 43

opera.marseille.fr